Onco-hematologia

Mutação no Domínio Quinase de ABL (BCR-ABL) LLA PH+

Outros nomes: BCR-ABL1 (P190), PESQUISA DE MUTAÇÃO NO DOMÍNIO QUINASE, PESQUISA DE MUTAÇÃO NO DOMINIO KINASE BCR-ABL1- LLA PH+,TRANSLOCAÇÃO BCR- ABL, CROMOSSOMO PHILADELPHIA, LEUCEMIA LINFÓIDE AGUDA, LLA
Ler mais

Doenças

  • Leucemia Mielóide Crônica;
  • Neoplasias Mieloproliferativas;

Prazo

Em até 10 dias úteis

Cobertura ANS

Este exame não possui Cobertura da ANS.

Regiões / Genes Analisados

1 regiões / genes

Agendar via whatsapp
O que é o exame?

Mutações no gene ABL1 são responsáveis por 30% dos casos de resistência ao tratamento com os inibidores de tirosina quinase de primeira geração (imatinibe) e os de segunda geração (nilotinibe e dasatinibe) em pacientes com leucemia mieloide crônica (LMC) em fase crônica ou nos pacientes que progrediram para a fase acelerada ou crise blástica. 75% dos casos de LLA Ph+ com resistência a inibidores tirosina quinase são devido a mutações no domínio quinase do gene ABL (P190 ou P210). Este exame realiza a pesquisa dessas mutações no tecido tumoral atráves da ténica de sequenciamento.

Para que serve este exame?

Este exame pesquisa mutações no domínio tirosina quinase do gene ABL1 que podem ser responsáveis pela resistência ao uso de inibidores tirosina quinase ( Imatinibe, Dasatinibe e Nilotinibe).

Voltar ao Topo